Entidades do sector social garantem reajuste das comparticipações da Segurança Social

As entidades representativas do Sector Social e Solidário (União das Mutualidades, CNIS, União das Misericórdias e Confecoop) celebraram esta quarta-feira, 6 de setembro, um memorando de entendimento com o governo que actualiza o valor das comparticipações da Segurança Social às instituições com respostas sociais.

As comparticipações financeiras são atualizadas em 6% nas respostas sociais de âmbito residencial e centro de dia e 3% nas restantes valências, como as referentes à infância. Nas estruturas residenciais para pessoas idosas a comparticipação financeira da Segurança Social passa para 523,29 euros por pessoa. Nos Centros de Dia, sobe para 155,82 euros por pessoa.

Estes aumentos acrescem à atualização de 5% de todos os acordos de cooperação para 2023 estabelecidos na adenda extraordinária ao Compromisso de Cooperação 2021/2022, celebrada em Dezembro de 2022.

O diferencial agora acordado será pago mensalmente a partir de Setembro, com retroativos desde Janeiro. Está também previsto um mecanismo para conversão dos contratos com as amas em regime permanente e a sua valorização salarial.

Este memorando de entendimento procede desde já o valor das comparticipações das respostas sociais, enquanto decorrem as negociações conducentes à celebração, até ao final do ano, do Compromisso de Cooperação para o biénio 2023-2024.

O Presidente da UMP, Luís Alberto Silva, que subscreveu o documento, considera que houve “uma articulação plena” entre o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e as entidades representativas do setor social, para “robustecer a capacidade das instituições no apoio às famílias que atravessam uma conjuntura de grandes dificuldades”.

Por outro lado, reconhece que “o governo está a fazer um esforço no sentido de concretizar o compromisso assumido no Pacto de Cooperação de progressivamente se alcançar a desejada repartição equitativa dos custos entre o Estado e o Setor Social”.

(Fonte: UMP)

About the Author

Da Redacção
Conteúdos apurados pela Redacção do Diário 560, com auxílio de colaboradores e agências.

Be the first to comment on "Entidades do sector social garantem reajuste das comparticipações da Segurança Social"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*