CPLP quer mais jovens na ação em favor da eficiência de sistemas alimentares

A criação de uma aliança, e modelos de governança, foi debatida em Nova Iorque por representantes da ONU com integrantes da CPLP. A iniciativa deve ser lançada no primeiro trimestre de 2022.

Uma coligação internacional para a promoção de sistemas alimentares territoriais sustentáveis deve ser lançada em Março, numa parceria liderada pela Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP).

O diretor de Cooperação do bloco da CPLP, Manuel Lapão, explicou numa entrevista à ONU News como jovens dos nove países-membros tem espaço de atuação na iniciativa.

“A população vulnerável sofre na pele, em primeiro lugar, as implicações das mudanças climáticas, da dificuldade de acesso a alimentos, do acesso à saúde, do acesso à escola, ao primeiro emprego e enfim. Esse de facto é um tremendo desafio para a CPLP”, concluiu Lapão.

“Na singularidade da nossa comunidade, sendo uma organização de concertação política e diplomática, temos que trazer os jovens para que a sua voz seja ouvida e as decisões incorporem aquilo são os seus problemas, os seus anseios e os seus desejos. E a partir daí, nós poderemos esperar que, provavelmente, essas políticas ao ser implementadas sejam conducentes a um melhor enquadramento da temática da juventude”, acrescentou.

Para além de encontros com os representantes dos Estados-membros da organização junto das Nações Unidas foram contactados os observadores Argentina, Canadá, Espanha, França, Índia, Itália, Japão, Namíbia, Peru e Turquia. 

O conselheiro da ONU sobre Sistemas Alimentares e a Intersecção com o Alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, Zachary Bleicher, avaliou com a CPLP a cimeira global sobre o tema realizada em setembro.

A CPLP é formada por Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. (Fonte e foto: UN News)

About the Author

Diário 560
Jornal online especializado em Economia Social

Be the first to comment on "CPLP quer mais jovens na ação em favor da eficiência de sistemas alimentares"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.