Instituto Camões quer ampliar o ensino de português no Senegal

Universidade em Ziguinchor

Portugal está a estudar a ampliação dos dois centros de língua no Senegal, país onde há cerca de 50 mil estudantes de língua portuguesa, em 300 escolas, segundo o presidente do Instituto Camões, Luís Faro Ramos, em declarações à agência Lusa

Os centros de língua portuguesa do Instituto Camões localizam-se em Dakar e ao sul, em Ziguinchor. O presidente afirmou ainda que as duas estruturas são “largamente frequentadas” e atraem muitos jovens senegaleses.

Timor Leste

O instituto realiza ainda as Jornadas de Literacia Orçamental, em Timor Leste. O evento decorre até hoje, no Centro Cultural Português da Embaixada de Portugal em Díli.

A ação de formação é destinada aos jornalistas timorenses, nas áreas de conhecimento e tratamento de informações em matérias de orçamento, economia e finanças públicas.

O evento conta com o apoio do CENJOR (Centro Protocolar de Formação Profissional para Jornalistas) e da SECOMS (Secretaria de Estado para a Comunicação Social) e do Conselho de Imprensa de Timor-Leste.

About the Author

Marcelo de Andrade
Editor do Diário 560. Jornalista e Fotojornalista há 25 anos.