Huellatina apresenta suas valências e serviços aos latino americanos no Porto

Cerca de 65 pessoas, a larga maioria de origem da América Latina, estiveram presentes no Salão Nobre da Junta de Freguesia do Bonfim, no Porto, para a Apresentação Institucional da Huellatina – Cooperativa Luso Latina, que decorreu no domingo, dia 11 de Setembro.

Anjelica Bolivar, presidente da Huellatina, recordou que, na qualidade de uma organização não governamental, humanitária de e de solidariedade social, “pretendemos ampliar o desenvolvimento de actividades de solidariedade social”, apoiadas em actividades culturais, de ensino, saúde, serviços e comercialização.

Manuel Solla, da Comissão Nacional pela Legalização de Imigrantes, esclareceu as principais alterações recentes à Lei da Imigração, que estarão em vigor a partir de 25 de Setembro.

A vereadora Ilda Figueiredo, representante das colectividades imigrantes na Câmara Municipal, afirmou que “irá continuar a insistir na solidificação do Conselho Consultivo” na autarquia.

Dezenas de obras de arte de artistas latino-americanos estiveram em exposição aos presentes. A Huellatina foi criada para apoiar e orientar a integração da comunidade latino-americana na sociedade portuguesa de forma mais eficaz e baseada na valorização pessoal.

About the Author

Marcelo de Andrade
Editor do Diário 560. Jornalista e Fotojornalista há 35 anos.

Be the first to comment on "Huellatina apresenta suas valências e serviços aos latino americanos no Porto"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.